Como fazer álcool gel

Fórmula grátis para fazer álcool gel para mãos.

O álcool em gel ganhou notoriedade no mercado brasileiro com a  gripe suína. Tendo em vista que o álcool puro a 96° GL não tem a mesma eficiência se comparado ao álcool etílico a 70%. Com o surgimento de casos de gripe suína no Brasil, o uso do álcool em gel aumentou, tanto em clinicas e hospitais, como no uso individual pela população brasileira.

Desde o surgimento da gripe suína as pessoas estão utilizando com maior frequência o álcool em gel. Hoje é comum você encontrar o produto em clinicas e nos hospitais, de forma geral sempre tem um frasco disponível para que os pacientes possam utilizar o produto para a assepsia das mãos.
Muitas pessoas levam consigo um frasco para uso pessoal, sendo possível a compra do produto em farmácias e supermercados em embalagens menores para levarem na bolsa.

O álcool gel e a água com sabão são as melhores alternativas para reduzir as chances de se contaminar com a gripe suína pelas mãos. O álcool gel pode ser muito útil, pois mata os vírus que porventura venham a ficar nas mãos ao tocar objetos, corrimões, barras para se segurar em ônibus ou no metro, maçanetas de portas, dinheiro, etc. No entanto, a maneira mais eficaz de se prevenir do H1N1 é a vacina.

Além do vírus da gripe suína (vírus H1N1), o álcool gel desinfeta as mãos de muitos outros microrganismos nocivos a saúde. Aplique o álcool gel nas mãos e espalhe, depois friccione em toda a superfície das mãos, dedos e entre os dedos por uns 20 segundos e deixe secar naturalmente.

Na pele das mãos pode haver bactérias, fungos e vírus (o vírus da gripe H1N1, por exemplo). A higienização das mãos com o álcool gel é uma das medidas mais simples que o individuo pode tomar para se proteger.

A sanitização das mãos com álcool gel 70% é importante devido a sua ação germicida. Ao entrar em contato com a pele das mãos o álcool gel elimina 99,9% dos vírus e bactérias.
A ação do álcool gel antisséptico acaba quando seca nas mãos, caso a pessoa se exponha a novos riscos de se contaminar, o álcool gel deve ser utilizado novamente.

Utilize o Álcool etílico 96° GL de uso farmacêutico, não utilize álcool combustível para fazer o álcool em gel..

Fórmula para fazer o álcool gel para mãos:

Álcool etílico 96° GL 7.573 gramas
Carbopol 940 50 g
Trietanolamina qs até pH 7,0 a 7,5
Água deionizada 2.285 gramas

Técnica para fabricar o álcool gel para mãos:

Adicione o Álcool etílico 96° GL em um balde de plástico limpo, depois adicione a Água deionizada e misture com uma pá de plástico.

Dispersar aos poucos o Carbopol sob agitação rápida para evitar a formação de muitos grumos.

Manter a agitação até que não haja grumos do carbopol, se preferir você pode deixar em repouso até a umectação do carbopol e depois dar sequência na preparação do produto. Nesse caso tampe bem vedando com um saco plástico limpo para evitar a evaporação do álcool.

Quando não houver mais grumos, ir adicionando a Trietanolamina aos poucos e sob agitação para a formação do gel.

A Trietanolamina deve ser adicionada até o pH chegar na faixa de 7,0 a 7,5. Vai checando o pH a cada adição da Trietanolamina.

Depois misture bem para o álcool gel ficar bem homogêneo.

O álcool gel não precisa ficar muito espesso para não prejudicar que ele saia facilmente do frasco e seja fácil de aplicar nas mãos.

Se não encontrar a Trietanolamina, utilize o Agente Neutralizante disponível na Casa do saboeiro.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *